Corrida D. Estefânia 2012

20120507-014210.jpg

O Vasco devia saber que nós íamos fazer esta corrida, e decidiu “levar-nos” ao hospital D. Estefania no dia anterior à noite com a cabeça partida… lá regressou a casa com um ponto no inicio do couro cabeludo e, depois de chorar imenso e apertar o coração aos pais, até disse adeus ao medico todo risonho – devia ser por estar de saída. Miúdos…🙂

20120507-013932.jpgO dia amanheceu solarengo e nós chegámos já passavam das 9h20. Os dorsais foram levantados pelo Raul e estivemos à espera da partida ali pela relva que temos entre as Docas e o Café In.

Revi o Martim que com o plano intensivo de treino que faz no HP Alvalade com 2 horas diárias, voltou às corridas 10 anos depois, se tinha estreado na prova em Carnide (hehehehehe) na semana passada e que estava com boas aspirações para hoje.

Também andava por ali a “sra. enfermeira” Teresa, que trabalha no D. Estefania… percorremos em conjunto o caminho liceal durante 7 anos (belos anos na Sarrazola e Portela de Sintra) e vamos nos vendo pontualmente até porque ela continua pela bela terra que é Colares.

20120507-013915.jpg
Os manos Moreira, Fernando e Nuno, também vieram correr (o Nuno foi mais caminhar em família).

A minha constipação ainda não foi embora e os planos eram partilhar a companhia da Mônica… se não desse o berro como na corrida do 1. Maio😉

20120507-223209.jpg

A verdade é que a prova correu muito normalmente, sem grandes “destaques” e 53m45s depois de partir estávamos a cruzar a meta, a valer novo PBT para a Mónica.

“O” destaque foi quando saiu a classificação oficial e a Mónica que assegurou uma brilhante entrada no Top10 (9. lugar) da sua categoria – F20.39 (!!!!!!)

No fim deu para ter a turma R4F a tirar uma foto com uma grande senhora – Rosa Mota, ela própria.
20120507-014450.jpg

Esta prova foi criada (só para este ano?) para alertar para a importância que tem a separação entre a pediatria e as outras especialidades e para que não abandonem o hospital e o integrem no novo De-Todos-O-Santos. Eu não sou especialista, mas parece-me relevante a existência dum hospital especificamente pediátrico em Lisboa.

Logo, tínhamos causa relevante, “perto” de casa, distancia curta, associada ao dia da mãe. Optámos assim por esta prova em detrimento de outras opções.

Gostava apenas de deixar algumas notas sobre esta corrida:

1) ao contrario do que eu pensava, o percurso junto ao rio não foi nada interessante, pelo contrario.
Com saída em frente à antiga FIL (do lado do rio) optou-se por “voltinhas” e vira… Da partida ao CafeIn na passadeira de corrida encostada ao rio, volta para trás na estrada até às Docas, volta de novo e ir até Vela Latina, volta e até Docas, volta e até CafeIn e volta de regresso à partida… A descrição está chata porque foi como senti o percurso, monótono. O facto de ser todo plano nem ajudou pois ficamos sem quebras e houve sítios onde passámos 4 vezes.

2) a organização falhou na logística. Alguém da direcção da corrida disse que compraram material para cerca de 1300 e as inscrições ultrapassaram os 1800. Resultado, faltaram aguas durante a prova e no fim, medalhas e t-shirts – o que só torna mais inexplicável como estavam a aceitar mais inscrições antes da partida…😦

3) o levantamento dos dorsais tinha filas enormes quando faltavam 15m para começar a prova. Depois do dorsal numa fila, agora q tens dorsal, se quiseres t-shirt antes da prova temos 2. fila. Casas de banho “portáteis” no meio de tudo com as diversas filas a cruzarem-se… a prova começou atrasada aí uns 10 minutos… na chegada tínhamos as pessoas da caminhada no caminho (de esperar num passeio de 2,5/3 metros de largura onde todos acabavam)…

20120507-014602.jpgA prova foi má? Heeeeeee, acho que não!!! A causa era boa, os padrinhos da prova – Rosa Mota e Gentil Martins – são pessoas super-simpáticas e disponíveis, tivemos actividades para as crianças em tendas/mesas na zona das partida/chegada, bastantes pessoas na prova por causa de existir a caminhada, o percurso chato pelo menos permitia que nos cruzássemos 3 vezes com os outros atletas e isso é sempre engraçado pelos incentivos mútuos, o tempo estava bom – talvez até quente de mais – e cheirava a Verão e eu corri ou melhor ainda, nós corremos e divertimo-nos. Adorei ainda a foto de postal que tirámos à “saída”…

Mas percebo as reclamações que ouvi de algumas pessoas na chegada e acho que a Xistarca, que participava na organização, sendo para uma causa como esta, podia ter um cuidado maior para que não houvesse tanta razão de queixa…

No resto de Maio não tenho mais provas de estrada – voltam a 6 Junho com a corrida do Oriente.

Nos próximos fins de semana tenho planeado algo diferente com treinos de trilhos em Monsanto, repetir o belo treino dos Elevadores e o Trail do Guincho antes do fim do mês.

Runabraços🙂

One thought on “Corrida D. Estefânia 2012

  1. José

    Como o disse, uma breve paragem não faz grande ‘mossa’. Uma prova de ‘rodeo’ que tira brilhantismo mas foi por uma boa causa.

    Parabéns à Mónica pelo top10

    Abraços e as melhoras do Vasco.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s